07 novembro por summer

Boas práticas

nita-blog-boas-praticas

As boas práticas são um conjunto de regras de higiene e de segurança envolvendo serviços relacionados aos alimentos. Incluem tanto os procedimentos de manipulação como aspectos estruturais das ins­talações, dos serviços de apoio, dos controles de pragas, resíduos e água, entre outros.

Para garantir que os produtos estejam em boas condições higiênico-sanitá­rias e com qualidade para o consumo seguro são analisadas todas as condições do estabelecimento, veja quais são:

Condições estruturais e de loca­lização: tipo de superfícies usa­das, móveis, fluxo, ventilação ou exaustão, iluminação, entre ou­tras.

  • Manejo do lixo: coleta de resí­duos e higienização das lixeiras.
  • Condições de higiene, saúde e treinamento dos funcionários.
  • Qualidade da água: garantia da potabilidade.
  • Qualidade das matérias-primas e embalagens: cuidados na se­leção, recebimento e armazena­mento.
  • Controle de pragas: controle físi­co e químico.
  • Controle e garantia da qualida­de: cumprimento às normas e realização de análises. Manutenção e calibração de equipamentos: confiabilidade dos instrumentos utilizados.
  • Cuidados nas diversas etapas ope­racionais: seleção de fornecedo­res, recebimento e armazenamen­to de mercadorias, entre outros critérios de segurança.
  • Programas de recolhimento de produtos: procedimentos para rastreamento e resgate de produ­tos defeituosos no mercado.
  • Os depósitos devem estar sempre limpos e secos, possibilitando que os pro­dutos se mantenham secos para evitar perdas e contaminação.
  • Outras recomendações envolvem as condições de luz, umidade e tempera­tura, e arrumação dos produtos. As portas dos depósitos devem possuir molas ou ser mantidas fechadas;
Receitas
Receitas
A história do pão
A história do pão